Estrelas

Os noticiários anunciam que em alguns anos não haverá mais inverno. O inverno mesmo parece não saber disto. Há três dias neva ininterruptamente. Nunca, desde que estou aqui, nevou tanto por tantos dias seguidos aqui em Dettingen. E mais ainda. A neve permanece o tempo todo. O dia fica com uma luminosidade estranha, difusa, brilhante. Até à noite parece cheia desta claridade descentrada. Confusa.

Ontem de manhã estava lendo uma reportagem sobre a neve, onde explicavam como que a neve se forma, dando origem a diferentes cristais de água em forma de estrela. Eu bem que pensei: ?Engraçado, eu nunca vi uma estrela destas!? No fim da reportagem comentaram que, devido a inúmeros fatores, normalmente só se pode observar estes cristais em forma de estrela em locais de grande altitude e quando está bem frio. Tá explicado porque eu nunca tinha visto as tais estrelas, pensei.

Pois ontem, aqui em Dettingen, com seus apenas 350m de altitude e uma temperatura relativamente razoável, 4°C, vi os meus primeiros cristais de gelo em forma de estrela.

Dá mesmo pra entender porque tantos se maravilharam com elas antes de mim! Tão diáfanas, tão fugazes. No mesmo instante em que tocam uma superfície se desfazem. E deixam as pessoas com seus olhares brilhantes para trás.

IMG_1174
IMG_1176

por RosangelaE em Na Alemanha 3 Kommentare |

Comentários

Ale 26.01.2005 – 16:52

Que coisa mais linda!! Sem palavras! Eu acho linda essa imagem mas ate hoje tb so vi em fotos. Segunda ate tentei ver, mas derretia muito rapido, antes que meu olhos conseguisse focar! Muito lindo mesmo!!

Mario 27.01.2005 – 11:25

Oi Ro, que “objeto” maravilhoso? Em desenhos animados havia visto as neves em formas de estrelas, pensei que fossem só para tornar a fantasia mais bonita, estou vendo que me enganei. A natureza é maravilhosa, só temos que respeitá-la. Um abraço, Mario

Manoel Carlos 30.01.2005 – 02:15

Estes pequenos encantamentos revelam a sensibilidade de quem está atento a eles.

Anúncios