O que se passa.

Eu até estava em casa na semana passada. Choveu demais, li muito, inventei história. fiz papel, colei, conversei, li, li mais… Assisti a um concerto ao vivo, ganhei um segurador de batatas quentes feito de bambu, muito útil. Fiquei pensando demais em escrever sobre o Sebastiano ? que usava fraldas infantis mesmo, prometo que depois escrevo sobre o meu encontro com ele que deixou todo mundo meio sem entender. Escutei música, gravei alguns CDs ? agora que aprendi, graças a uma dica divina do Manoel. Hoje chove de novo ? uma vez só: o dia todo. A previsão é de tempo bom a partir de amanhã. E hoje arrumo de novo as malas para dez diz nas montanhas no norte da Itália. O que me espera: ler se fizer mal tempo. Andar se fizer bom tempo, subindo e descendo. Não sei se tenho de novo tempo para a internet. Nem pra escrever nem para comentar. Deixo um abraço a todos.

por RosangelaE em Conversa direta 5 Kommentare

Comentários

Dodo 25.07.2005 – 14:40

Querida irma, Uma boa viagem para voce e o Reiner. Um beijao do Dodo

Paulinho Patriota 26.07.2005 – 07:41

Boa viagem,querida caminheira…
Peregrina simpática e amena!

Foi muito bom ter-te conhecido.

Bye – e tudo de excelente,montanhista!


Alice 26.07.2005 – 20:44

Boas viagens!

telma 28.07.2005 – 18:58

Que você só encontre tempo bom e caminhe bastante e veja belas e verdejantes paisagens. Ler é muito bom, mas a gente sempre pode deixar para fazer isso na volta, né?

Mas fiquei intrigada com uma outra parte do seu texto. Você disse “inventei história”… como é que é isso? Vai contar pra gente?

“A” curiosa. Beijão


nora borges 29.07.2005 – 13:58

Oi, Rosangela. Que descanse!
Besitos!
Anúncios