Lenta…

 

Hoje eu lavei e passei roupa. Costurei. Com vermelho e azul. À tarde fui a um chá. Convescote, gostava de dizer. Levei crisântemos amarelo-ouro e o que costurei como enfeite.

Fotografei. Comi. Quebrei nozes, sem fim, enquanto assisti à continuação do Armagedon – um documentário sobre a possível queda de um comenta na terra e suas dramáticas consequências. Pode? Pois é. Acho que se eu fosse escrever hoje sobre o fim do mundo, jamais diria de novo que ia ficar sentada olhando a banda passar. Há muito o que se pode fazer. Sem antecipar o medo. O fim do mundo, o fim de tudo. Virá um dia? A queda de um cometa é dada como certa.Poucos sobreviverão.  A boa nova é que a vida se renova, sempre.  E enquanto ele não vem, o prazer  é: continuar vivendo. Agora estou indo pra caminha.

Anúncios

One thought on “Lenta…

  1. Acho que o essencial é o agora, por mais cliché que isso seja. Esse delicioso momento único que jamais se repetirá. É viver sem arrependimentos pra quando o fim chegar (se ele realmente chegar) acabar tranqüila.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s