Ano bissexto.

flor

No ano passado nós perdemos um grande amigo pra uma leucemia fulminante. Atualmente conheço três pessoas lutando contra o câncer, duas mulheres com câncer de seio e um homem com um câncer na perna. A impressão é que os casos de câncer, de diversos tipos, têm aumentado muito. Impressão, acho eu, que fica do fato de eu conhecer pessoalmente tantas pessoas passando por este difícil processo de busca pela saúde, confronto com o inevitável, neste exato momento…

O dia que vem com certeza para todos, e que, por uma grande coincidência da vida, chegou pro meu pai há exatamente quatro anos atrás. Em um ano bissexto como este. “O dia que ele escolheu”, como costuma dizer a minha mãe. Eu não ia comentar o fato, mas como não falar nisto, depois de ter recebido um comentário em um post antigo, uma divulgação que fiz de uma entrevista que a Letícia deu pro jornal antes de falecer?

Deixo aqui a minha solidariedade para com todas as pessoas que lutam hoje para uma nova perspectiva de viver, e contra o medo, o maior de todos eles…

Anúncios

5 thoughts on “Ano bissexto.

  1. Fico feliz em rever/reler a mamãe aqui no seu Ilíquido.
    E tão certo quanto a morte é a certeza que a obra do homem é maior do que ele, e ela segue em frente. E o amor que o homem semeia, nasce, cresce e dá novas sementes. Que nem a couve, que vive mesmo nessas terras frias.
    Vou replantar minhas couves esse ano, seguindo seu exemplo.
    Obrigada, Naninha.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s