Porque, para que, para quem manter o blog?

Não quero e nem preciso fazer propaganda da vida boa que eu tenho… Eis o conflito. Sim, eu acho que eu tenho uma vida boa. Mas não mantenho o blog para “fazer inveja” pro resto do mundo. Sempre fui e continuo a ser uma caipira, adoro as pequenas coisas do dia a dia e gosto de fotografar e de escrever…Gosto de escrever para registrar as coisas que nós fazemos, gosto de escrever sobre as impressões que as coisas causam em mim. Escrever sobre as viagens é escrever sobre as coisas que eu faço. Nós viajamos muito e vamos viajar mais ainda no futuro – pelo menos são os nossos planos. Só tenho escrito cada vez menos…

Gosto também de um monte de outras coisas das quais nem falo muito por aqui. Eu gosto das aquarelas que eu pinto e gosto de vários trabalhos manuais, a saber: bordar, crochetar, tricotar . Sempre tenho fases de dar prioridade a um ou outro destas atividades. Agora descobri também que gosto de costurar. Desde o começo do ano que ando costurando, ando fazendo bolsas. Estou fazendo minha bolsa número 14 hoje. Não são muitas e eu faço para mim ou pra dar de presente. Além de outros pequenos projetos. Ontem eu fiz um porta óculos para o Reiner, por exemplo.

As atividades físicas? Eu gosto de tudo que fazemos, mas não engano a mim mesma e nem quero enganar ninguém. Se dependesse de mim eu não saia de casa e só ficava com as minhas pequenas atividades. O Reiner é que é o ativo aqui de casa. Eu acompanho. E sempre gosto. E se fosse o caso, de ficar em casa com minhas pequenas atividades, eu ainda poderia continuar dizendo que eu tenho uma vida boa. Qualquer dia ainda escrevo o que eu penso disto, de ter uma vida boa. É uma longa estória.

Por hoje basta dizer que agora sim este é um blog quase privado. Mantenho o blog para mim, para meu marido, minha mãe, para alguns poucos amigos da vida real que têm paciência de ler minhas escrevinhações – a maioria dos meus amigos da vida real já receberam o link para este blog e apenas alguns, bem poucos, passam por aqui para ler as minhas elucubrações.

Escrevo também para as algumas pessoas com quem fiz contato. Não estou em fase de expandir meus contatos virtuais simplesmente porque não quero mais ficar muito tempo na net, mas prezo muitos os poucos amigos que fiz na rede. A vida é curta e eu quero fazer tanta coisa… Enfim, escrevo para mim e para os poucos gatos pingados que continuam vindo aqui, por um motivo e pelo outro.

E tendo dito isto, voltemos à nossa programação normal. Devagar, talvez, mas por mais algum tempo.

Anúncios

5 thoughts on “Porque, para que, para quem manter o blog?

  1. Pingback: Fora das pesquisas. « ilíquido

  2. Querida Rosangela,

    Havia perdido o link porisso näo estava passando por aqui.

    E confesso que,ler o que vc escreve me faz muito bem, muitas vezes estou perdida no meio dos acontecimentos,que aliás, foram muitos nos últimos anos…

    OS atuais säo bons e me trouxeram muitas alegrias,mas mesmo assim muito stress.
    ….é,as vêzes lidar com a felicidade tbm estressa rsrsrs.

    Em tds as situacöes sempre encontro aqui uma paz maravilhosa, a maneira que vc passa suas impressöes,sua dedicacäo e carinho ao Seu Reiner,seu amor à natureza,tudo isso me fascina e sempre descubro que posso fazer diferente.

    Adoro sua maneira de ser e de viver, e te admiro.

    Continue a dividir suas impressöes,só vc consegue transmitir em palavras e imagens tanta coisa boa, quase consigo sentir o cheiro e o som ,uma viagem mesmo.
    Beijos de agradecimento
    Ângela

  3. É muito bom saber de suas descobertas e te saber feliz.
    Continue escrevendo, amiga, mesmo quando os dias
    não estiverem assim, tão azuis… :)
    Você disso tudo e a Ângela também.
    Fico por aqui com um muito obrigada
    e um grande beijo. Smack!

  4. Oi Rosângela!!
    Vc viu que meu blog tb andou assim…abandonado??(na verdade ainda está). Estou passando por mudanças na minha vida – e algumas coisas – é melhor que fiquem mesmo só pra gente. Entendo perfeitamente o que vc escreveu. Nem todo mundo “sabe lê”. Outros querem ler “o que nem está lá”…rs..e assim vamos vivendo.
    Um abraço grande e apertado. Olhei as fotos novas todas..amei – como sempre!! As do barco ficaram espetaculares!!!
    Quando tiver um blog mais ativo – te aviso.
    Até, Betha.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s